Reserva

Aulas de Surf

“O melhor surfista que aí anda é o que se diverte mais” - Phil Edwards

Pronto para surfar !!

Kids

Ondas e companhia é a receita mágica para a Alegria!!

Sabe mais!

Experiências

Coleciona momentos e não coisas, arranja histórias para contares em vez de coisas para mostrares !!

Até jazz !!

Alugueres

Não podes comprar felicidade mas podes alugar uma prancha !!

O oceano é a minha casa, quero mais !!

Yoga

"Tudo se resume a uma coisa - Onde anda a tua mente? ” - K. Slater 11 vezes campeão do mundo de surf

Pronto para me sentir bem.

Estás pronto?

Bora lá

Aulas de Surf

“O melhor surfista que aí anda é o que se diverte mais” - Phil Edwards

Pronto para surfar !!

Kids

Ondas e companhia é a receita mágica para a Alegria!!

Sabe mais!

Experiências

Coleciona momentos e não coisas, arranja histórias para contares em vez de coisas para mostrares !!

Até jazz !!

Alugueres

Não podes comprar felicidade mas podes alugar uma prancha !!

O oceano é a minha casa, quero mais !!

Yoga

"Tudo se resume a uma coisa - Onde anda a tua mente? ” - K. Slater 11 vezes campeão do mundo de surf

Pronto para me sentir bem.

Estás pronto?

Bora lá
future-surf-school-

Muito mais que uma escola de surf

Na Future Eco Surf School ambicionamos não só ensinar-te a surfar mas também partilhar o nosso entusiasmo e conexão com a natureza em geral e com o oceano em particular. Quando feito com consciência e entrega poderás iniciar um processo transformador e inspirador para a tua vida.

Descobre um dia típico com a Future

Uma Escola de Surf Sustentável

future-surf-school-interaction

Sustentabilidade

Na Future Eco Surf School acreditamos que podemos fazer a diferença

Juntos podemos fazer mais e melhor pela sustentabilidade do nosso planeta e sociedade. Conscientes de que com pequenos passos se faz uma longa caminhada estamos atualmente em reestruturação profunda de procedimentos e estratégias que nos permitam tirar o melhor da natureza com o menor impacto possível.

Blog

Lê o mais recente no nosso blog

array(3) { [0]=> array(24) { [“ID”]=> int(12278) [“post_author”]=> string(1) “7” [“post_date”]=> string(19) “2022-07-12 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-07-12 09:00:00” [“post_content”]=> string(3298) “

O sonho de qualquer surfista é apanhar altas ondas todos os dias. Alguns fatores que podem influenciar a realização deste sonho não dependem da vontade do surfista, como o tamanho das ondas, força e direção do vento, etc…

Mas existem medidas que podem contribuir para que este sonho se torne realidade.

O surf é um desporto relativamente seguro, mas como em todas as modalidades de ação, envolve alguns riscos.

Praia da Rocha, Portimão

Estes são apenas 4 hábitos que podem tornar a surfada mais segura:

Verificar o equipamento

Verificar sempre se o equipamento está em boas condições, pois um leash partido ou uma quilha solta podem colocá-lo numa situação arriscada.

A verificação do material é fundamental para a própria segurança e dos demais que estão no mar. Estar ligado à prancha significa estar ligado a algo que flutua, servindo como meio de salvamento se necessário.

Não surfar sozinho

Como a maioria dos desportos de aventura, um parceiro pode dar uma mãozinha quando as coisas não correm como planeado.
Se te sentires mal ou acontecer alguma coisa, não tens ninguém contigo para te ajudar ou chamar por ajuda.

Evitar crowd

Em todos os picos de surf existem aquelas ondas que são as preferidas dos surfistas locais e normalmente muito disputadas.
Porém há sempre aquela onda que quebra mais ao lado, que pode não ser tão boa, mas vai tornar a sessão de surf mais segura e menos stressante.

Conhecer o local

É sempre indicado que, ao surfar um spot pela primeira vez, pergunte a algum local, ou nadador salvador,
sobre as condições do mar e riscos existentes no momento em que estará a surfar.

Guias de surf e websites normalmente dão apenas uma visão geral das condições.

Com esses hábitos as surfadas serão certamente mais seguras, aumentando as chances do sonho tornar-se realidade.

” [“post_title”]=> string(39) “4 hábitos para uma surfada mais segura” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(38) “4-habitos-para-uma-surfada-mais-segura” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-23 14:02:26” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-23 14:02:26” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12278” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } [1]=> array(24) { [“ID”]=> int(12178) [“post_author”]=> string(1) “6” [“post_date”]=> string(19) “2022-07-05 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-07-05 09:00:00” [“post_content”]=> string(4656) “

No que respeita ao surf, a região do Algarve tem algo que o torna particular, a garantia de ondas. 

Como se encontra exposto ao Oceano Atlântico tanto a oeste como a sul, pode-se encontrar aqui ondas quase 365 dias por ano. Na região Algarvia pode ter-se ondas garantidas, mas não é fácil saber onde estão as melhores ondas diariamente. 

Com inúmeras praias, e cada uma com a sua ondulação típica devido à maré ou ao vento, conhecer os melhores sítios requer tempo e dedicação.

Esta região é mundialmente conhecida por possuir um clima muito agradável e ameno durante a maior parte do ano.

Praia da Rocha, Portimão

As vantagens de escolher o Algarve deve-se ao facto de apresentar duas orlas marítimas (costa sul e oeste) não muito distantes uma da outra.

De entre as inúmeras praias que poderíamos escolher, decidimos selecionar as 5 que se encaixam melhor em vários critérios, como:

  • Fácil acesso
  • Restaurantes
  • Diversidade de ondas para diferentes níveis de surf
  • Segurança (pouca presença de rochas ou fortes correntes)

Praia da Arrifana, Aljezur (costa oeste)

Ondas longas, com pouca força e relativamente fácil de serem surfadas.

Praia do Zavial, Vila do Bispo (costa sul)

Ondas curtas e tubulares, com muita força (exceto durante o verão) e exige habilidade para serem surfadas.

Praia do Amado, Aljezur (costa oeste)

Ondas longas com condições variadas (de tubular a suave) dependendo da maré e direção da ondulação. Uma das praias mais populares do Algarve.

Praia da Rocha, Portimão (costa sul)

Ondas curtas, rápidas ,sem muita força e tamanho durante o outono e primavera, com mais força e tamanho durante o inverno. Como a maioria dos picos na costa sul, assim como a Praia do Zavial, durante o verão não apresenta condições para o surf.

Praia da Cordoama, Vila do Bispo (costa oeste)

Ondas longas e, como a Praia do Amado, apresenta condições variadas de acordo com a maré e direção da ondulação. Por ser uma praia exposta a quase todas ondulações, propicia boas ondas durante o ano inteiro, podendo tornar-se desafiadora nos meses de inverno.

Praia do Amado, Aljezur

Convém lembrar que qualquer desporto em mar aberto traz perigos e responsabilidades. As praias referidas anteriormente são normalmente boas para principiantes e intermédios.

No entanto, devemos estar sempre bem informados sobre os riscos, como, rochas que podem aparecer com as alterações das marés.

Agora que já conheces um pouco melhor a costa Algarvia, basta pegares no teu fato, prancha e escolheres a tua onda favorita.

Acima de tudo, diverte-te!

” [“post_title”]=> string(31) “5 praias para surfar no Algarve” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(31) “5-praias-para-surfar-no-algarve” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-23 10:18:28” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-23 10:18:28” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12178” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } [2]=> array(24) { [“ID”]=> int(12141) [“post_author”]=> string(1) “5” [“post_date”]=> string(19) “2022-06-28 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-06-28 09:00:00” [“post_content”]=> string(4807) “

O surf devido a vários fatores pode ser uma modalidade em que a evolução demora muito tempo. Esse fator, pode levar a frustração e até que se desista da modalidade.

A evolução lenta na prática do Surf deve-se acima de tudo a fatores (variáveis) incontornáveis da natureza como:

Tamanho das ondas – às vezes grandes demais, outras vezes pequenas demais.

Marés – muito vazia as ondas fecham geralmente muito rapidamente enquanto na maré cheia rebentam demasiado perto da areia.

Luz do dia – a impossibilidade de ao contrário de outros desportos recorrermos à luz artificial limita e muito o número de horas disponíveis para este desporto.

Praia da Rocha, Portimão

Se, como acontece em tantos outros desportos, pudéssemos repetir várias vezes uma mesma técnica, poderíamos otimizar esta e rapidamente aperfeiçoá-la assistindo a uma rápida evolução na nossa performance.

No entanto, este não é o caso do surf onde nunca irás encontrar duas ondas exatamente iguais.

Ainda assim, algumas dicas podem fazer com que evites os erros mais comuns:

Material errado

Se queres progredir rapidamente terás de ser paciente e passo a passo ires passando de uma prancha para outra. Este processo, permite chegar àquela pranchinha igual à dos “prós” mas para a qual não estás ainda preparado.

Este processo poderá ser dispendioso pelo que poderás comprar e depois venderes pranchas usadas, alugar a um preço especial numa surf shop perto de ti ou investires numa escola local que te vá permitindo trocar de prancha à medida que vais evoluindo.

Praia errada

Aqui podes poupar imenso tempo, dinheiro e energia. Numa fase inicial deverás contentar-te com uma praia que tem para entregar o que tu mais precisas. Condições como, ondas mais fáceis e com menos perigos aparentes, como sejam rochas, agueiros fortes ou muitos praticantes na água.

Hora errada

Se não consultares corretamente a tabela de marés corres o risco de passar ao lado de uma grande surfada. Pois, muitas vezes somente num período de 3 a 4 horas a maré estará de feição na praia por ti escolhida.

Praia da Rocha, Portimão

Investir no conhecimento da praia onde irás surfar com mais frequência irá garantir aquelas “happy hours”, assim aconselhamos-te:

  • Falar com surfistas locais mais experientes. 
  • Aprender a ler uma app de previsão de ondas como a plataforma Windguru.

Quando acertares na prancha, praia e hora certa irás entrar num ciclo de evolução gratificante que vai elevar a tua performance e confiança.

Até lá não desesperes e continua a fazer o teu “trabalho de casa” e entende esta fase como uma triagem para filtrar aqueles que realmente superam as adversidades próprias da modalidade e se irão tornar surfistas à séria.

Aceita o desafio e vemo-nos no pico!

” [“post_title”]=> string(45) “Os 3 erros mais comuns dos iniciantes no surf” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(45) “os-3-erros-mais-comuns-nos-iniciantes-no-surf” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-03 11:36:49” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-03 11:36:49” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12141” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } }
array(3) { [0]=> array(24) { [“ID”]=> int(12278) [“post_author”]=> string(1) “7” [“post_date”]=> string(19) “2022-07-12 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-07-12 09:00:00” [“post_content”]=> string(3298) “

O sonho de qualquer surfista é apanhar altas ondas todos os dias. Alguns fatores que podem influenciar a realização deste sonho não dependem da vontade do surfista, como o tamanho das ondas, força e direção do vento, etc…

Mas existem medidas que podem contribuir para que este sonho se torne realidade.

O surf é um desporto relativamente seguro, mas como em todas as modalidades de ação, envolve alguns riscos.

Praia da Rocha, Portimão

Estes são apenas 4 hábitos que podem tornar a surfada mais segura:

Verificar o equipamento

Verificar sempre se o equipamento está em boas condições, pois um leash partido ou uma quilha solta podem colocá-lo numa situação arriscada.

A verificação do material é fundamental para a própria segurança e dos demais que estão no mar. Estar ligado à prancha significa estar ligado a algo que flutua, servindo como meio de salvamento se necessário.

Não surfar sozinho

Como a maioria dos desportos de aventura, um parceiro pode dar uma mãozinha quando as coisas não correm como planeado.
Se te sentires mal ou acontecer alguma coisa, não tens ninguém contigo para te ajudar ou chamar por ajuda.

Evitar crowd

Em todos os picos de surf existem aquelas ondas que são as preferidas dos surfistas locais e normalmente muito disputadas.
Porém há sempre aquela onda que quebra mais ao lado, que pode não ser tão boa, mas vai tornar a sessão de surf mais segura e menos stressante.

Conhecer o local

É sempre indicado que, ao surfar um spot pela primeira vez, pergunte a algum local, ou nadador salvador,
sobre as condições do mar e riscos existentes no momento em que estará a surfar.

Guias de surf e websites normalmente dão apenas uma visão geral das condições.

Com esses hábitos as surfadas serão certamente mais seguras, aumentando as chances do sonho tornar-se realidade.

” [“post_title”]=> string(39) “4 hábitos para uma surfada mais segura” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(38) “4-habitos-para-uma-surfada-mais-segura” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-23 14:02:26” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-23 14:02:26” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12278” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } [1]=> array(24) { [“ID”]=> int(12178) [“post_author”]=> string(1) “6” [“post_date”]=> string(19) “2022-07-05 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-07-05 09:00:00” [“post_content”]=> string(4656) “

No que respeita ao surf, a região do Algarve tem algo que o torna particular, a garantia de ondas. 

Como se encontra exposto ao Oceano Atlântico tanto a oeste como a sul, pode-se encontrar aqui ondas quase 365 dias por ano. Na região Algarvia pode ter-se ondas garantidas, mas não é fácil saber onde estão as melhores ondas diariamente. 

Com inúmeras praias, e cada uma com a sua ondulação típica devido à maré ou ao vento, conhecer os melhores sítios requer tempo e dedicação.

Esta região é mundialmente conhecida por possuir um clima muito agradável e ameno durante a maior parte do ano.

Praia da Rocha, Portimão

As vantagens de escolher o Algarve deve-se ao facto de apresentar duas orlas marítimas (costa sul e oeste) não muito distantes uma da outra.

De entre as inúmeras praias que poderíamos escolher, decidimos selecionar as 5 que se encaixam melhor em vários critérios, como:

  • Fácil acesso
  • Restaurantes
  • Diversidade de ondas para diferentes níveis de surf
  • Segurança (pouca presença de rochas ou fortes correntes)

Praia da Arrifana, Aljezur (costa oeste)

Ondas longas, com pouca força e relativamente fácil de serem surfadas.

Praia do Zavial, Vila do Bispo (costa sul)

Ondas curtas e tubulares, com muita força (exceto durante o verão) e exige habilidade para serem surfadas.

Praia do Amado, Aljezur (costa oeste)

Ondas longas com condições variadas (de tubular a suave) dependendo da maré e direção da ondulação. Uma das praias mais populares do Algarve.

Praia da Rocha, Portimão (costa sul)

Ondas curtas, rápidas ,sem muita força e tamanho durante o outono e primavera, com mais força e tamanho durante o inverno. Como a maioria dos picos na costa sul, assim como a Praia do Zavial, durante o verão não apresenta condições para o surf.

Praia da Cordoama, Vila do Bispo (costa oeste)

Ondas longas e, como a Praia do Amado, apresenta condições variadas de acordo com a maré e direção da ondulação. Por ser uma praia exposta a quase todas ondulações, propicia boas ondas durante o ano inteiro, podendo tornar-se desafiadora nos meses de inverno.

Praia do Amado, Aljezur

Convém lembrar que qualquer desporto em mar aberto traz perigos e responsabilidades. As praias referidas anteriormente são normalmente boas para principiantes e intermédios.

No entanto, devemos estar sempre bem informados sobre os riscos, como, rochas que podem aparecer com as alterações das marés.

Agora que já conheces um pouco melhor a costa Algarvia, basta pegares no teu fato, prancha e escolheres a tua onda favorita.

Acima de tudo, diverte-te!

” [“post_title”]=> string(31) “5 praias para surfar no Algarve” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(31) “5-praias-para-surfar-no-algarve” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-23 10:18:28” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-23 10:18:28” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12178” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } [2]=> array(24) { [“ID”]=> int(12141) [“post_author”]=> string(1) “5” [“post_date”]=> string(19) “2022-06-28 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-06-28 09:00:00” [“post_content”]=> string(4807) “

O surf devido a vários fatores pode ser uma modalidade em que a evolução demora muito tempo. Esse fator, pode levar a frustração e até que se desista da modalidade.

A evolução lenta na prática do Surf deve-se acima de tudo a fatores (variáveis) incontornáveis da natureza como:

Tamanho das ondas – às vezes grandes demais, outras vezes pequenas demais.

Marés – muito vazia as ondas fecham geralmente muito rapidamente enquanto na maré cheia rebentam demasiado perto da areia.

Luz do dia – a impossibilidade de ao contrário de outros desportos recorrermos à luz artificial limita e muito o número de horas disponíveis para este desporto.

Praia da Rocha, Portimão

Se, como acontece em tantos outros desportos, pudéssemos repetir várias vezes uma mesma técnica, poderíamos otimizar esta e rapidamente aperfeiçoá-la assistindo a uma rápida evolução na nossa performance.

No entanto, este não é o caso do surf onde nunca irás encontrar duas ondas exatamente iguais.

Ainda assim, algumas dicas podem fazer com que evites os erros mais comuns:

Material errado

Se queres progredir rapidamente terás de ser paciente e passo a passo ires passando de uma prancha para outra. Este processo, permite chegar àquela pranchinha igual à dos “prós” mas para a qual não estás ainda preparado.

Este processo poderá ser dispendioso pelo que poderás comprar e depois venderes pranchas usadas, alugar a um preço especial numa surf shop perto de ti ou investires numa escola local que te vá permitindo trocar de prancha à medida que vais evoluindo.

Praia errada

Aqui podes poupar imenso tempo, dinheiro e energia. Numa fase inicial deverás contentar-te com uma praia que tem para entregar o que tu mais precisas. Condições como, ondas mais fáceis e com menos perigos aparentes, como sejam rochas, agueiros fortes ou muitos praticantes na água.

Hora errada

Se não consultares corretamente a tabela de marés corres o risco de passar ao lado de uma grande surfada. Pois, muitas vezes somente num período de 3 a 4 horas a maré estará de feição na praia por ti escolhida.

Praia da Rocha, Portimão

Investir no conhecimento da praia onde irás surfar com mais frequência irá garantir aquelas “happy hours”, assim aconselhamos-te:

  • Falar com surfistas locais mais experientes. 
  • Aprender a ler uma app de previsão de ondas como a plataforma Windguru.

Quando acertares na prancha, praia e hora certa irás entrar num ciclo de evolução gratificante que vai elevar a tua performance e confiança.

Até lá não desesperes e continua a fazer o teu “trabalho de casa” e entende esta fase como uma triagem para filtrar aqueles que realmente superam as adversidades próprias da modalidade e se irão tornar surfistas à séria.

Aceita o desafio e vemo-nos no pico!

” [“post_title”]=> string(45) “Os 3 erros mais comuns dos iniciantes no surf” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(45) “os-3-erros-mais-comuns-nos-iniciantes-no-surf” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-03 11:36:49” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-03 11:36:49” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12141” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } }
array(3) { [0]=> array(24) { [“ID”]=> int(12278) [“post_author”]=> string(1) “7” [“post_date”]=> string(19) “2022-07-12 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-07-12 09:00:00” [“post_content”]=> string(3298) “

O sonho de qualquer surfista é apanhar altas ondas todos os dias. Alguns fatores que podem influenciar a realização deste sonho não dependem da vontade do surfista, como o tamanho das ondas, força e direção do vento, etc…

Mas existem medidas que podem contribuir para que este sonho se torne realidade.

O surf é um desporto relativamente seguro, mas como em todas as modalidades de ação, envolve alguns riscos.

Praia da Rocha, Portimão

Estes são apenas 4 hábitos que podem tornar a surfada mais segura:

Verificar o equipamento

Verificar sempre se o equipamento está em boas condições, pois um leash partido ou uma quilha solta podem colocá-lo numa situação arriscada.

A verificação do material é fundamental para a própria segurança e dos demais que estão no mar. Estar ligado à prancha significa estar ligado a algo que flutua, servindo como meio de salvamento se necessário.

Não surfar sozinho

Como a maioria dos desportos de aventura, um parceiro pode dar uma mãozinha quando as coisas não correm como planeado.
Se te sentires mal ou acontecer alguma coisa, não tens ninguém contigo para te ajudar ou chamar por ajuda.

Evitar crowd

Em todos os picos de surf existem aquelas ondas que são as preferidas dos surfistas locais e normalmente muito disputadas.
Porém há sempre aquela onda que quebra mais ao lado, que pode não ser tão boa, mas vai tornar a sessão de surf mais segura e menos stressante.

Conhecer o local

É sempre indicado que, ao surfar um spot pela primeira vez, pergunte a algum local, ou nadador salvador,
sobre as condições do mar e riscos existentes no momento em que estará a surfar.

Guias de surf e websites normalmente dão apenas uma visão geral das condições.

Com esses hábitos as surfadas serão certamente mais seguras, aumentando as chances do sonho tornar-se realidade.

” [“post_title”]=> string(39) “4 hábitos para uma surfada mais segura” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(38) “4-habitos-para-uma-surfada-mais-segura” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-23 14:02:26” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-23 14:02:26” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12278” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } [1]=> array(24) { [“ID”]=> int(12178) [“post_author”]=> string(1) “6” [“post_date”]=> string(19) “2022-07-05 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-07-05 09:00:00” [“post_content”]=> string(4656) “

No que respeita ao surf, a região do Algarve tem algo que o torna particular, a garantia de ondas. 

Como se encontra exposto ao Oceano Atlântico tanto a oeste como a sul, pode-se encontrar aqui ondas quase 365 dias por ano. Na região Algarvia pode ter-se ondas garantidas, mas não é fácil saber onde estão as melhores ondas diariamente. 

Com inúmeras praias, e cada uma com a sua ondulação típica devido à maré ou ao vento, conhecer os melhores sítios requer tempo e dedicação.

Esta região é mundialmente conhecida por possuir um clima muito agradável e ameno durante a maior parte do ano.

Praia da Rocha, Portimão

As vantagens de escolher o Algarve deve-se ao facto de apresentar duas orlas marítimas (costa sul e oeste) não muito distantes uma da outra.

De entre as inúmeras praias que poderíamos escolher, decidimos selecionar as 5 que se encaixam melhor em vários critérios, como:

  • Fácil acesso
  • Restaurantes
  • Diversidade de ondas para diferentes níveis de surf
  • Segurança (pouca presença de rochas ou fortes correntes)

Praia da Arrifana, Aljezur (costa oeste)

Ondas longas, com pouca força e relativamente fácil de serem surfadas.

Praia do Zavial, Vila do Bispo (costa sul)

Ondas curtas e tubulares, com muita força (exceto durante o verão) e exige habilidade para serem surfadas.

Praia do Amado, Aljezur (costa oeste)

Ondas longas com condições variadas (de tubular a suave) dependendo da maré e direção da ondulação. Uma das praias mais populares do Algarve.

Praia da Rocha, Portimão (costa sul)

Ondas curtas, rápidas ,sem muita força e tamanho durante o outono e primavera, com mais força e tamanho durante o inverno. Como a maioria dos picos na costa sul, assim como a Praia do Zavial, durante o verão não apresenta condições para o surf.

Praia da Cordoama, Vila do Bispo (costa oeste)

Ondas longas e, como a Praia do Amado, apresenta condições variadas de acordo com a maré e direção da ondulação. Por ser uma praia exposta a quase todas ondulações, propicia boas ondas durante o ano inteiro, podendo tornar-se desafiadora nos meses de inverno.

Praia do Amado, Aljezur

Convém lembrar que qualquer desporto em mar aberto traz perigos e responsabilidades. As praias referidas anteriormente são normalmente boas para principiantes e intermédios.

No entanto, devemos estar sempre bem informados sobre os riscos, como, rochas que podem aparecer com as alterações das marés.

Agora que já conheces um pouco melhor a costa Algarvia, basta pegares no teu fato, prancha e escolheres a tua onda favorita.

Acima de tudo, diverte-te!

” [“post_title”]=> string(31) “5 praias para surfar no Algarve” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(31) “5-praias-para-surfar-no-algarve” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-23 10:18:28” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-23 10:18:28” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12178” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } [2]=> array(24) { [“ID”]=> int(12141) [“post_author”]=> string(1) “5” [“post_date”]=> string(19) “2022-06-28 09:00:00” [“post_date_gmt”]=> string(19) “2022-06-28 09:00:00” [“post_content”]=> string(4807) “

O surf devido a vários fatores pode ser uma modalidade em que a evolução demora muito tempo. Esse fator, pode levar a frustração e até que se desista da modalidade.

A evolução lenta na prática do Surf deve-se acima de tudo a fatores (variáveis) incontornáveis da natureza como:

Tamanho das ondas – às vezes grandes demais, outras vezes pequenas demais.

Marés – muito vazia as ondas fecham geralmente muito rapidamente enquanto na maré cheia rebentam demasiado perto da areia.

Luz do dia – a impossibilidade de ao contrário de outros desportos recorrermos à luz artificial limita e muito o número de horas disponíveis para este desporto.

Praia da Rocha, Portimão

Se, como acontece em tantos outros desportos, pudéssemos repetir várias vezes uma mesma técnica, poderíamos otimizar esta e rapidamente aperfeiçoá-la assistindo a uma rápida evolução na nossa performance.

No entanto, este não é o caso do surf onde nunca irás encontrar duas ondas exatamente iguais.

Ainda assim, algumas dicas podem fazer com que evites os erros mais comuns:

Material errado

Se queres progredir rapidamente terás de ser paciente e passo a passo ires passando de uma prancha para outra. Este processo, permite chegar àquela pranchinha igual à dos “prós” mas para a qual não estás ainda preparado.

Este processo poderá ser dispendioso pelo que poderás comprar e depois venderes pranchas usadas, alugar a um preço especial numa surf shop perto de ti ou investires numa escola local que te vá permitindo trocar de prancha à medida que vais evoluindo.

Praia errada

Aqui podes poupar imenso tempo, dinheiro e energia. Numa fase inicial deverás contentar-te com uma praia que tem para entregar o que tu mais precisas. Condições como, ondas mais fáceis e com menos perigos aparentes, como sejam rochas, agueiros fortes ou muitos praticantes na água.

Hora errada

Se não consultares corretamente a tabela de marés corres o risco de passar ao lado de uma grande surfada. Pois, muitas vezes somente num período de 3 a 4 horas a maré estará de feição na praia por ti escolhida.

Praia da Rocha, Portimão

Investir no conhecimento da praia onde irás surfar com mais frequência irá garantir aquelas “happy hours”, assim aconselhamos-te:

  • Falar com surfistas locais mais experientes. 
  • Aprender a ler uma app de previsão de ondas como a plataforma Windguru.

Quando acertares na prancha, praia e hora certa irás entrar num ciclo de evolução gratificante que vai elevar a tua performance e confiança.

Até lá não desesperes e continua a fazer o teu “trabalho de casa” e entende esta fase como uma triagem para filtrar aqueles que realmente superam as adversidades próprias da modalidade e se irão tornar surfistas à séria.

Aceita o desafio e vemo-nos no pico!

” [“post_title”]=> string(45) “Os 3 erros mais comuns dos iniciantes no surf” [“post_excerpt”]=> string(0) “” [“post_status”]=> string(7) “publish” [“comment_status”]=> string(6) “closed” [“ping_status”]=> string(6) “closed” [“post_password”]=> string(0) “” [“post_name”]=> string(45) “os-3-erros-mais-comuns-nos-iniciantes-no-surf” [“to_ping”]=> string(0) “” [“pinged”]=> string(0) “” [“post_modified”]=> string(19) “2022-06-03 11:36:49” [“post_modified_gmt”]=> string(19) “2022-06-03 11:36:49” [“post_content_filtered”]=> string(0) “” [“post_parent”]=> int(0) [“guid”]=> string(35) “https://future-ecosurf.com/?p=12141” [“menu_order”]=> int(0) [“post_type”]=> string(4) “post” [“post_mime_type”]=> string(0) “” [“comment_count”]=> string(1) “0” [“filter”]=> string(3) “raw” } }

Prêmios

“Equipa incrível, professores espectaculares, muita diversão, paisagens brutais. Vemo-nos para o ano.”

Joseys
4,8 36 avaliações Facebook
4,8 56 avaliações Google Business
5 127 avaliações TripAdvisor

Acreditações

Turismo de Portugal
Marinha
IPDJ
FPS
AESCV
AESDP